Abril Verde

 1 – USO RACIONAL DOS RECURSOS E BENS PÚBLICOS

   

Trata-se do eixo econômico do Programa INTEGRAR, visando a gestão dos gastos públicos administrativos. O consumo consciente de recursos (água, energia…) e bens públicos (papel, copos plásticos, toner…), além de preservar o meio ambiente, gera economia financeira, possibilitando o emprego da verba em melhorias para a Instituição. 

Através do diagnóstico socioambiental do MPMA é possível fazer o planejamento e o monitoramento dos gastos, atuando de forma estratégica na busca da consciência ambiental e de índices razoáveis de consumo. 

 

2 – GESTÃO ADEQUADA DOS RESÍDUOS GERADOS

 

A gestão adequada de resíduos gerados é um eixo temático de alto impacto à sociedade. Isso porque tem-se a falsa sensação que, ao se retirar os resíduos gerados nas residências ou instituições para fora dos próprios muros, a problemática estaria solucionada. A verdade é que a destinação de resíduos é um dos temas mais atuais e urgentes da área do meio ambiente. 

Fazendo a sua parte, a questão da gestão dos próprios resíduos foi pensada como política institucional do MPMA. O objetivo é, cada vez mais, otimizar a utilização dos resíduos através da política dos 5Rs: Reduzir; Repensar; Reaproveitar; Reciclar; Recusar consumir produtos que gerem impactos socioambientais significativos. 

 

3 – QUALIDADE DE VIDA NO AMBIENTE DE TRABALHO 

 

O eixo temático de qualidade de vida no ambiente laboral visa conjugar trabalho, lazer e saúde, melhorias nas relações interpessoais e o aumento da qualidade de vida, assegurando a satisfação pessoal dos membros, servidores e colaboradores. As mais diversas ações permite ao corpo humano da instituição se INTEGRAR. 

 

4 – SENSIBILIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES 

 

Sensibilizar e capacitar é a forma de propagar a consciência ambiental de geração em geração. A realização de cursos, treinamentos, palestras e campanhas através de um calendário institucional busca INTEGRAR as pessoas à causa.

 

5 – LICITAÇÕES SUSTENTÁVEIS 

 

Implementando o art. 3º da Lei 8.666/1993, o Programa INTEGRAR visa implantar no âmbito do Ministério Público do Estado do Maranhão os preceitos de Licitações e Contratos Sustentáveis. O objetivo é garantir a observância do princípio constitucional da isonomia, a seleção da proposta mais vantajosa para a administração e a promoção do desenvolvimento nacional sustentável.

 

6 – OBRAS E REFORMAS SUSTENTÁVEIS 

  

O eixo temático de obras e reformas visa garantir que na instituição qualquer serviço relacionado ao tema considere os critérios de sustentabilidade e o uso de materiais ecologicamente corretos. A sustentabilidade na engenharia e arquitetura deve ser vista por três vertentes, a ambiental (preservação do meio ambiente), a financeira (economia e potencialização de recursos) e a social (focando na acessibilidade dos projetos).

 

Página Principal

Conteúdo

Notícias

Voltar ao topo

2019 - O Ministério Público na indução de políticas públicas.

Ministério Público do Estado do Maranhão © 2011 - É proibida a reprodução, alteração, distribuição e republicação de material contidos neste Portal, sem prévia autorização.